PAI RICO PAI POBRE

Por 9 de março de 2009março 23rd, 2009Dica de livros

pai_rico_pai_pobre2

Momento Cultural – PAI RICO, PAI POBRE —— Gentem este é D + Se vcs não lerem, estarão cometendo o maior pecado de suas vidas; Transmitam tudo o que lerem ta ok.

O que os ricos ensinam a seus filhos sobre dinheiro.

A escola prepara as crianças para a vida real? Esta é a primeira pergunta com que o leitor se depara neste livro. O recado é ousado e está implícito: boa formação e notas altas não bastam para garantir o sucesso de alguém. O mundo mudou; a maioria dos jovens têm cartão de crédito, antes mesmo de concluir os estudos, e nunca tiveram aula sobre dinheiro, investimento, juros etc. Ou seja, vão para a escola, mas continuam analfabetos financeiros, despreparados para enfrentar um mundo que dá mais ênfase à despesa do que à poupança.

Para os autores, o conselho mais perigoso que se pode dar a um jovem nos dias de hoje é: “Vá para a escola, tire notas altas e depois procure um emprego seguro.” O fato é que as regras mudaram, e não existe mais emprego certo para ninguém. Pai Rico, Pai Pobre demonstra que o problema não está entre ser empregado ou empregador, mas entre ter o controle de seu próprio destino ou entregar esse controle a alguém. É essa a tese de Robert Kiyosaki e Sharon Lechter neste livro original e contundente. Para eles, a formação proporcionada pelo sistema de ensino não prepara os jovens para o mundo que encontrarão depois de formados.

E como os pais podem ensinar aos filhos o que a escola não ensina? Esta é outra das muitas perguntas com que o leitor se depara em Pai Rico, Pai Pobre. Nesse sentido, a proposta dos autores é facilitar a tarefa dos pais. O leitor que sabe contabilidade deve esquecer seus conhecimentos acadêmicos, pois muitas das teorias expostas por Robert Kiyosaki contrariam os princípios contábeis geralmente aceitos e apresentam uma valiosa e moderna percepção da forma como se realizam os investimentos.

O mundo enfrenta mudanças radicais e, talvez, de alcance maior do que as ocorridas em séculos passados. Não existe bola de cristal, mas algo é certo: a perspectiva global é de mudanças que transcendem nossa realidade imediata. Aconteça o que acontecer, só existem duas alternativas: a segurança ou a inteligência. E o objetivo de Pai Rico, Pai Pobre é instruir o leitor e despertar seu gênio financeiro e o de seus filhos.

www.campus.com.br

“Pai Rico, Pai Pobre é o ponto de partida para quem quer controlar seu futuro financeiro.”  –  USA TODAY

“Para chegar ao topo, financeiramente, você precisa ler Pai Rico, Pai Pobre. Neste livro, sabedoria e bom senso estão a serviço de seu futuro financeiro.” – ZIG ZIGLAR, conferencista e autor de Sucesso para Dummies (Campus)

“Se você quer saber como ficar rico e continuar rico, leia este livro!” – MARK VICTOR HANSEN, co-autor da série Canja de Galinha para a Alma

“Pai Rico, Pai Pobre não é um livro comum sobre dinheiro… É de leitura fácil e suas mensagens – como, por exemplo, para ser rico é necessário definir uma meta, manter o foco e ter nervos de aço – são muito simples.” – HONOLULU MAGAZINE

“Só queria ter lido este livro quando era jovem ou, melhor ainda, queria que meus pais tivessem lido Pai Rico, Pai Pobre. É o tipo de livro que você compra e dá a cada um de seus filhos e compra mais exemplares para guardar e presentear os netos, quando eles tiverem oito ou nove anos.” – SUE BRAWN, presidente de Tenant Chek of America

“Pai Rico, Pai Pobre não ensina como enriquecer rapidamente. Trata de como se tornar responsável por sua vida financeira e aumentar a riqueza pelo conhecimento do dinheiro. Leia, se quiser despertar seu gênio financeiro.” – DR. ED KOKEN, professor de finanças, RMIT University, Melbourne

Este livro tem: 186 Páginas.

Carlos Ono

Sobre Carlos Ono